acompanhar

Google+ Followers

Loading...

BENVINDANÇAS

bem vindo ao tempo em que centopeia era carro de guerreiros/
bem vindo ao castelo do último vampiro associado ao último dos dragões/
bem vindo ao amor do amor amado na chama louca dos compassos sussurrados pelo deus dos relâmpagos clamados/

bem vindo à torre em que o pirata espreita o sono povoado da princesa, sabendo: conto de fadas é armadilha e só o otário espera compreensão/
bem vindo, sobretudo, à terra de uma política tão incorreta, que dizer o que pensa é obrigatório na luta pela vida que mantém a cabeça no pescoço

Total de visualizações de página

Postagens populares

Postagens populares

Follow by Email

Translate

Google+ Badge

sexta-feira, 30 de julho de 2010

EVIDÊNCIAS

A estrada é feita de olho e de sonho
as botas marcadas pelo Adeus.

O Anjo embainha a espada de raio
no olho cego - tambor dos cânticos!

Animal como a vertigem
- o sexo, real como o pedido: o amor,

das chamas flechadas pássaros rolam
arruinando profecias,

dos clarins mel escorre derramando rosas
sibilantes e rasgando lagartos que liberam
príncipes e odaliscas das peles incendiadas.

O céu vigia pelo sol, cujos cavalos
são nossas preces,

e se minhas mãos modulam
as asas agitadas dos anjos
é porque não tenho tua alma
para equilibrar-me os olhos,
e o teu corpo é distante
- feito o sonho uma tenda solitária.

Eu esqueço as evidências
só o mistério entende o teu amor,
confeito-te no sexo chocolate,
e levanto o martelo dos deuses
para que os trovões domados
ecoem o acalanto
dos nossos excessos de amantes