acompanhar

Google+ Followers

Loading...

BENVINDANÇAS

bem vindo ao tempo em que centopeia era carro de guerreiros/
bem vindo ao castelo do último vampiro associado ao último dos dragões/
bem vindo ao amor do amor amado na chama louca dos compassos sussurrados pelo deus dos relâmpagos clamados/

bem vindo à torre em que o pirata espreita o sono povoado da princesa, sabendo: conto de fadas é armadilha e só o otário espera compreensão/
bem vindo, sobretudo, à terra de uma política tão incorreta, que dizer o que pensa é obrigatório na luta pela vida que mantém a cabeça no pescoço

Total de visualizações de página

Postagens populares

Postagens populares

Follow by Email

Translate

Google+ Badge

sábado, 2 de julho de 2011

EU CONTINUO REAL no TEU AMOR


Todo Amor
que eu te dou
cabe num universo
a inventar

Ao te Amar
um sol
feito de Verdade
e Oração

sorri
o desejo
que entrego
todo teu

Você sai nua
da aquarela
da minha alma,
e faz tudo tão real

Aonde quer que eu vá,
Santiago, Havana, Berlim ou Kashemira,
o meu olhar é uma criança
que delira, que delira a tua luz em mim

E eu sigo na viagem
num aeroplano de papel,
colho uma flor de cada planeta
p'ra te agasalhar no meu peito depois do Amor

P'ra construir o teu céu
com praia e mar
levo prego e martelo
e um sonho todo bom de cantar

porque eu só existo
feito d'areia que você pisa,
e se algum vento me desfizer,
saiba, eu continuo real no teu Amor

você há de saber, na tua porta,
numa serenata maior do que o luar
piso o chão da tua existência
procurando, aonde está você

que é tão real em mim

Licença Creative Commons
EU CONTINUO REAL no TEU AMOR de ERIKO ALVYM é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported.
Based on a work at erikoalvym.blogspot.com.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://www.poemasdeamor.com.br/poemas/poema.aspx?id=51520.

Nenhum comentário:

Postar um comentário